Centro de Convivência Curumim – Assembléia Inaugural

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someonePrint this page

Dia 17 de Julho de 1997, em assembléia inaugural, foi criado o Centro de Convivência Infanto-Juvenil Curumim, com sede à Av. Brasil n. 11, Centro, Município de Berilo – Minas Gerais, Brasil. Seus associados fundadores foram: Ieda Maria Garcia, Stela Márcia Richter, Maria Aparecida Lopes de Souza, Cleto Avelino de Souza, Cecília Antonia da Conceição Cunha, Sílvio Massura, Nerode Pereira dos Santos e Maria Gessy Ferreira de Souza.

Seus atos constitutivos foram inscritos em 22 de julho de 1997, no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e Registro Civil das Pessoas Jurídicas da Comarca de Minas Novas (Minas Gerais), Livro 3-A, fls. 143 v. a 144, n. 1420, protocolados no Livro 1-A, página 20, n. de ordem 2.772, e indicado no Livro 4-D, fls. 85 v., n. de ordem 2.252.

O Centro de Convivência Infanto-Juvenil Curumim está inscrito no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas sob. N. 03.394.610/0001-05.

Nos termos de seu Estatuto Social “Curumim” é associação civil de direito privado, sem fins lucrativos, que tem os seguintes objetivos:

1. Proporcionar às crianças e adolescentes abandonados ou órfãos, até o limite de 18 anos, a estadia e alimentação;

2. Proporcionar às crianças e adolescentes assistidos, o acesso aos valores morais e éticos fundamentais necessários ao desenvolvimento seguro e consistente de seus futuros;

3. Proporcionar às crianças e adolescentes assistidos, uma convivência plena em grupo, além de possibilitar aos mesmos desenvolver trabalhos comunitários (plantio de pomares e cultivo de hortifrutigranjeiros visando abastecimento para consumo interno do “Centro de Convivência”, bem como a responsabilidade pela limpeza e manutenção da sede)

A administração do “Curumim” está a cargo de sua Assembléia Geral, Diretoria e Conselho Fiscal. Atualmente, os poderes de representação e decisão da entidade estão atribuídos aos seguintes associados:

Diretora Presidente: Sra. Ieda Maria Garcia,
Diretora Vice-Presidente: Sra. Stela Márcia Richter,
Diretor Tesoureiro: Sr. Cleto Avelino de Souza.

O Instituto Curumim é mantido por um grupo de pessoas devotadas a causas sociais, pessoas que trabalham ativamente durante o ano todo, executando tanto o serviço braçal (como por exemplo retirada de doações, seleção, limpeza, consertos, embalagem e transporte para Lelivéldia), quanto a parte administrativa e de relações públicas. Além disso, a receita do Instituto é composta com o produto de dois chás beneficentes anuais. A crise econômica que atravessa o país reflete nas doações recebidas (roupas, alimentos, objetos), cujo volume diminui a cada ano

A Prefeitura Municipal de Berilo conferiu o título de Utilidade Pública ao “Curumim”, através da Lei Municipal n. 614/97, de 22 de julho de 1997.