Cromoterapia – O reequilíbrio através das cores

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someonePrint this page

A cura através das cores, porque a cura por assim dizendo, e não a luz da consciência.
Percorrer caminhos escuros, através da mente, abrindo passagem para alívio e o bem-estar de seres que há muito tempo “dormem” e que nem sabem e nem procuram saber o seu papel perante a sociedade. Esta mesma sociedade conturbada que vive aflita, com medo, ódios e insegurança, que não olham para dentro de si, que se esquecem que são seres humanos em evolução, que necessitam da ajuda espiritual, para seu equilíbrio.

Processos são estudados, como grupos e reuniões no Plano Sideral para poderem averiguar as necessidades cármicas e evolutiva de cada ser. E nos é dada a chance de reencarnarmos mais uma vez neste planeta onde há luz em abundância, o amarelo a claridade do Sol, o verde das matas, e o azul do céu, e nos é dada a água para sobrevivermos, o oxigênio tão importante para a vida, e nós não nos damos conta de tudo isso vivemos dentro de casas e apartamentos enclausurados na escuridão, passam-se dias, passam-se horas e nada muda.

Não vislumbramos amanheceres e entardeceres, nos esquecemos de que viemos da luz e a ela retornaremos mais uma vez. A cromoterapia mental nos abre os compartimentos há tanto tempo fechados fazendo-nos ascender à luz da consciência, curando órgãos tão doentes por nós mesmos gastos devido ao mau uso que fazemos. Faz também vislumbrar a nós mesmos pessoas tristes, egoístas, orgulhosas e rebeldes e nos transformar em alguém útil para a humanidade. Este é o objetivo da nossa casa: nos esclarecer, nos educar e nos disciplinar como Seres merecedores de estarmos aqui hoje nesse Planeta, o Planeta Terra ou Planeta Azul.

A casa nos dá muitas oportunidades de resgate, é só você aceitar o convite e deixar se seduzir pela própria arte de se conhecer de estar com seu ser verdadeiro, com sua dualidade, sem julgamentos e sem máscaras, sentir-se cada vez mais leve, pois estando consigo consegue livrar-se de amarras que o fazem sentirem-se densos e pesados.

Obrigado pela oportunidade.

Comente:

Deixe uma resposta