Ventania em meu coração

Compartilhe:Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someonePrint this page

É manhã de domingo e a brisa suave envolve a tudo e a todos.

O som do vento grita em todos os cantos do meu ser trazendo consigo a consciência por detrás dos sentidos…

Vai além do frescor da brisa, do som dos pássaros ou do aconchegante calor do sol.

Traz consigo o “choro calado” daqueles que estão limitados pelas condições que a vida os colocou e o “riso escondido” nos pequenos momentos de prazer e alegria.

Traz uma profunda sensação de paz, como presente, e convoca a ação.

É impossível ficar imóvel frente a um cenário tão belo: campos montanhosos e perder-se de vista, a brisa suave, o sol, os pássaros, o céu infinito desenhado pelas nuvens que escondem as estrelas que, aqui, parecem estar mais perto de nós e pessoas ou, melhor dizendo, crianças com grande potencial e ávidas por conhecer, por fazer, por sentir, por crescer com dignidade…

Vento é ar em movimento e eu já respirei o ar daqui várias vezes, Ele já parte de minhas células…

Estou às vésperas de voltar para São Paulo, mas o som do vento vai comigo e, com centeza será cúmplice da minha caminhada em 2010.

Feliz 2010!!! Aos amigos, parceiros…e todos que amo. Deixo um abraço carinhoso a todos do Vale do Jequitinhonha.

Escrito em Lelivéldia por Stela Richter

Comente:

Deixe uma resposta